Rodrigo Lambre, candidato a uma vaga no Pan 2019, domina GP5* no México

Time Brasil de Salto busca o hexa nos Jogos Pan-americanos e precisa subir ao pódio para conquistar a vaga para Jogos Olímpicos Tokyo 2020.

Rodrigo Lambre na comemoração

O brasileiro Rodrigo Lambre garantiu dobradinha nas duas primeiras colocação na categoria 1.50 metro, no GP CSIO5* Longines do México, em Xalapa, no último domingo. Estiveram em pista 35 conjuntos e oito foram ao desempate na corrida pelo título e 213.168 mil reais em premiação.

Somente Rodrigo, 41, radicado no México há cerca de 20 anos e entre os candidatos ao Time Brasil nos Jogos Pan-americanos de Lima 2019, voltou a fazer percursos sem faltas. Montando Catokia, Rodrigo cruzou a linha de chegada em 40s64 sagrando-se campeão e no dorso de Chacciama, o cavaleiro foi vice com o tempo de 42s33. A 3ª colocação ficou com o mexicano Salvador Onate apresentando Beautiful Red, uma falta, 40s27. Rodrigo ainda emplacou em 10º lugar, dessa feita, montando Catover, com apenas 1 ponto perdido por excesso de tempo na 1ª passagem.

Rodrigo é o atual 59º no ranking FEI Longines com resultados válidos até 30/4/2019, 3º melhor brasileiro, atrás de Pedro Veniss, 49º, e Marlon Zanotelli que ocupa o 52º posto. O 4º melhor brasileiro é Eduardo Menezes, 66º.

Nos Jogos Pan-americanos, entre 26/7 e 11/8, o Time Brasil de Salto assim com de Concurso Completo e Adestramento busca o pódio que garante vaga do país para os Jogos Olímpicos Tokyo 2020. O Time Brasil de Salto detém nada menos que cinco medalhas de ouro na competição conquistadas em 1967 no Canadá, 1991, Cuba, 1995, Argentina, 1999, Canadá, 2007, Rio de Janeiro. Em 2003 na República o Brasil foi bronze, em 2011 no México, prata e na última edição dos Jogos, no Canadá em 2015, a equipe ficou em 4º lugar. As provas de salto acontecem entre 6 a 9/8. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *