Três Tambores: um evento que entrou para a história

A 1ª etapa da III Copa SGP, o 7º Brazilian Slot Race e o 5º Slot Race Feminino aconteceram de 18 a 21 de setembro e foi um marco para a história dos Três Tambores.

Com recorde mundial batido, campeões inéditos no Brazilian Slot Race e Slot Race Feminino e uma pista sensacional, as competições levaram muita adrenalina e emoção para o Parque de Exposições Francisco Feio Ribeiro, em Maringá (PR).

Além dos competidores do Paraná, competidores de outros 12 estados estavam presentes no evento são eles: Acre, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Pará, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo.

No total foram 2239 inscrições e 518 animais em pista com uma premiação de R$ 320 mil e 100 passadas na casa dos 16 segundos. Junto às três competições, também teve a etapa bônus da Associação Nacional dos Três Tambores (ANTT), o Future Cash, uma prova de incentivo para os potros inscritos no programa da Associação do Cavalo de Baliza e Tambor (ACBT) e aos jovens, amadores e principiantes com uma premiação extra.

O juiz do evento foi Júlio César, mais conhecido como Tico, para ele a pista estava espetacular e todos elogiaram a qualidade do solo, que proporcionou passadas seguras e rápidas, ao mesmo tempo.

Recorde mundial

O Estado do Paraná entrou para a história da modalidade, pois o atleta Sidnei Pereira da Silva Junior bateu o recorde mundial na sela de Game Boy EK, com 16,374 segundos, na categoria GP ABQM.

Na modalidade Seis Balizas da Copa SGP, o conjunto Vagner Simionato e Yellow Queen Gates foram destaques e finalizaram o percurso em 19,694 segundos pela categoria Aberta Sênior.

Na categoria Feminina, a vencedora foi Rafaela Slaviero com Django Red Agae, marcando o tempo de 16,662 segundos e muita velocidade, conquistando o título de campeã também na etapa bônus da ANTT.

Com 75 inscritos, a terceira categoria mais disputada foi a Amadora e a campeã foi Caroline Rugolo montando Chayenne Fame I Am, com tempo de 16.855 segundos.

Prêmio Copa SGP

Foram premiados os melhores do ano hípico pelo SGP Sistema. O Amador mais premiado ficou com Caroline Rugolo, com a soma de ganhos de R$150.579,00. E o animal montado por ela, PG Blue Max Jazzy, de propriedade do Haras Raphaela, levou o troféu na categoria macho mais premiado, com a soma de R$ 64.393,00.

A égua Juliet On Cap foi a fêmea mais premiada, com a soma de R$87.630,00, de propriedade de Aroldo Souza Duraes. Já o castrado mais premiado foi Order A Victory LW, da Fazenda Nossa Senhora de Lourdes, com a soma de R$ 121.816,00 e do garanhão mais premiado, Victory Fly VM com R$1.206.155,00 em ganhos.

O prêmio SGP da matriz mais premiada foi para ST Ana Leo, de propriedade de Márcio Matheus Tolentino com ganhos de R$146.272,00. O profissional mais premiado foi Sidnei Junior, somando R$596.829,00 em ganhos, e Samuel Benfica como o jovem mais premiado, com a soma de ganhos de R$ 49.999,00.

Brazilian Slot Race

O 7º Brazilian Slot Race 2019, teve 59 conjuntos que entraram em pista na busca de subir o degrau mais alto do pódio e conquistar a premiação de R$ 40 mil.Foram 15 premiados com total de R$ 130 mil em uma disputa acirrada.

O campeão 2019 do Brazilian foi Lauri Martins Gularte, com tempo de 16,660 segundos, montando ST Pansoti (ST Dashin Leo x ST Bridge), de propriedade e criação de Márcio Tolentino.

O segundo lugar ficou com Ordeli Charles Gomes, montando 3D Moby Dick Beaver (Angolano Beaver CV x First Tofly CRC), com tempo de 16,742 segundos. E a terceira colocação ficou com Ronaldi Godinho e Neftali Famefire OFV (Fire Water Ta Fame x Esparta Fame Leo), com a marca de 16,770 segundos.

Slot Race Feminino

Larissa Xavier com Mike Zorrero, campeã Slot Race Feminino

O evento Slot Race teve a participação de 59 conjuntos e 37 competidoras. A campeã 2019 foi Larissa Xavier Ribeiro, montando o cavalo de sua propriedade, Mike Zorrero Leo (El Shady Zorrero x Esperança Cath JMA), com tempo de 16s922.

O segundo lugar no pódio ficou com Rafaela Fortunato e Okara Moose (KR Moose x ST Gabiroba), com 17,150 segundos. Para encerrar, a terceira colocação foi para Caroline Rugolo montando Golden Jazzy Ta Fame (Mr Ta Fame x Jazzy Ken Girl), com a marca de 17,161 segundos, e que também foi a campeã pelo Future Cash.

Por: Vitória Junqueira

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *